sexta-feira, 2 de maio de 2008

Esperando pelo beijo

-Me dá um cigarro?

-Não!

-Me dá um cigarro.

-Não!

-Vai, me dá um cigarro!!

-Não! Fica quieto e olha aquela mulher esquisita atravessando a rua.

-Tá. Já vi. Agora me dá um cigarro!

-Ei menino mais chato! Toma! Engole o cigarro.

-Brigadu. Sabia que você ia ficar nervosinha. Agora me dá o isqueiro?

-Ihhh, não trouxe o isqueiro, não!

-Chata! Toma, não quero mais o cigarro.

E os dois rindo, continuaram sentados na calçada em frente ao prédio.

Olhando as pessoas passar pela rua.

Deixando o tempo correr.

Tocando a pele.

Sentindo desejo.

Querendo o gosto um do outro.

Era mais uma tarde das férias de julho na qual os dois, sem nada a fazer, inventavam desculpas para estarem juntos. Esperando que a vontade superasse a timidez. E que o beijo acontecesse.


0 comentários:

Postar um comentário

  ©Template Blogger Writer II by Dicas Blogger.

SUBIR