quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

Retomando a posse

Levaram a minha auto-estima.
Não. Eu permiti que a levassem, que a sequestrassem, que a subjugassem. Permiti que surrupiassem aquela personalidade, que até então aparentava ser indestrutível. Permiti que esmagassem a confiança, que ate então ostentava um verniz incraquelavel.
Eu permiti e levaram minha parte mais honesta, o melhor de mim embora. E o corpo ficou pendendo pela vida, a vontade adoeceu, e o pendulo seguia no autômato.
Mas agora retomo a posse. Exijo o fim do seqüestro. Reinicio a vida no modo manual respirando antigos e adormecidos sonhos.

0 comentários:

Postar um comentário

  ©Template Blogger Writer II by Dicas Blogger.

SUBIR