terça-feira, 21 de abril de 2009

Pensar, repensar, pensar

Não bastasse uma vez ter escolhido um curso que em nada me agradou, e mesmo assim te-lo freqüentado pelos cinco anos exigidos, agora cultivo duvidas quanto essa minha escolha pela segunda graduação. 
Meus conhecidos me incentivam, me contam historias cercadas de coincidências de pessoas que fizeram a mesma escolha e que hoje estão "bem de vida". No entanto, meus colegas de curso simplesmente não entendem porque continuo com essa graduação, pois pela minha primeira formação eu poderia "estar muito bem de vida". Já tentei explicar que esse "bem de vida" não tem relação com dinheiro, mas foi em vão. 
Mas o que ocorre é que, de uns tempos para cá (quase três meses), tenho muitas, muitas duvidas sobre continuar freqüentando a faculdade. De inicio, eu tinha prazer em ficar horas desvendando a doutrina, mas agora, nada me faz saborear com prazer os textos obrigatórios. E por essa razão me pergunto: vou investir mais quatro anos em uma escolha que talvez não ira me satisfazer, ou aguento as pontas até o fim do semestre para sentir um pouco mais?
Isso é só um desabafo, um momento para reflexão, um desses instantes em que colocamos tudo para fora para focar melhor, repensar as duvidas... e seguir, mesmo que ainda não saiba muito bem, para onde.
P.S: Se ficou com curiosidade, minha primeira graduação foi em Direito, e agora curso Pedagogia (mas só não sei até quando).

0 comentários:

Postar um comentário

  ©Template Blogger Writer II by Dicas Blogger.

SUBIR