terça-feira, 24 de agosto de 2010

E aconteceu

Nunca me aconteceu aquele clichê de "apaixonar-se pelo professor". Nunca vive esse platônico, nem os suspiros por aquela figura. Mas aconteceu, e atualmente, me encontro perdidamente encantada por aquele sujeito que anteriormente apenas me representava a ligação entre o saber. Hoje, vivo um clichê perigoso, distante da idealização e potencialmente em vias de acontecer. 
Que posso fazer? Se aconteceu, para que questionar? 
No entanto, o porém reside na vontade e desejo do outro, que eu ainda desconheço. 

0 comentários:

Postar um comentário

  ©Template Blogger Writer II by Dicas Blogger.

SUBIR