quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Culpa

Não posso culpa-lo pelas ausências.
Não posso culpa-lo pelos esquecimentos. 
Não posso culpa-lo.
Não devo transferir ações e omissões e culpa para terceiros. Ou parceiros. 
Posso. Devo. Culpar-me, apenas.

0 comentários:

Postar um comentário

  ©Template Blogger Writer II by Dicas Blogger.

SUBIR