domingo, 5 de abril de 2015

Foi-se aquele dia

E teve um dia que me afoguei em magoas. E teve um dia que foi difícil descortinar as palavras. E eu não vim mais. 
E teve um dia que eu permiti que todos fossem maiores que os meus sonhos. E foi nesse dia que eu desisti das palavras. 
Mas sempre há o dia de ressurgir, assim como há o dia de faze-los engolir todas as minhas palavras. 

0 comentários:

Postar um comentário

  ©Template Blogger Writer II by Dicas Blogger.

SUBIR